terça-feira, 19 de outubro de 2010

Procura-se um PA


Carolina, menina que “anda bonito e tem brilho no olhar”, moderna, “maravilha de mulher”, estava à procura de um AC, vulgo: amigo de conveniência, aquele amigo “pau pra toda obra” que ajuda na carência afetiva das guerreiras mulheres de hoje, emprestando a elas seu membro mais precioso, sua cabeça... éééé... essa mesmo, que eles sempre souberam usar muito bem, a de baixo. Não que ela não queira um relacionamento mais intenso, um compromisso bacana, mas a maioria se assusta, ou seria preciso investir meses e meses até provar que é realmente de confiança, (estão vendo como os papéis se inverteram?) e Carol não tinha muito tempo para isso!


Carol precisava muito, mas muito mesmo, de um PA, vulgo: pinto amigo. O PA é aquele que pertence ao AC. Sem hipocrisia gente, afinal de contas todo solteiro(a) tem o seu PA ou a sua BA, (não preciso nem escrever o significado da tal BA, né gente?), mas Carolina não tinha, e, cá entre nós, sabemos no que isso implica, nada como o brilho nos olhos de uma mulher bem comida, a pele, o humor, tudo fica excelente! E nada acontecia há meses. E com o desespero de uma balzaquiana que finalmente se descobriu mais sensual, mais sexual e um tanto mais resolvida, que precisa e merece prazer, até para aprimorar toda essa descoberta, não é afim de nada de plástico e não quer pagar por isso, Carolina apelou, fez reza brava, novena, corrente, macumba... e, com todas suas forças pediu ao papai do céu que lhe arranjasse um pirulito bem bacana para que ela gozasse melhor a vida...
Passaram-se dias e nada, ela até se esperançou com alguns candidatos, que mais latiam do que mordiam, ou pior, nem latiam e muito menos mordiam. Depois do último dia de novena, enquanto esperava no ponto de ônibus, Carolina observou um rapaz vindo de longe, ela percebeu que havia algo muito estranho nas calças daquele homem mal vestido e sujo. Ele veio se aproximando, com um sorriso maroto na cara, Carol olhou para baixo e teve uma confusão de sentimentos, era emoção e repúdio ao mesmo tempo. Era um pirulito!! Ela pediu tanto e há tanto tempo não via um... estava ali, na sua frente, mas ela queria um amigo, e aquele sujeito tarado, sujo e feio pra caramba definitivamente não era seu amigo! Descompensada se apavorou e ligou para a polícia, denunciando o elemento por exibicionismo.


Depois do episódio Carolina desencanou, e, com isso o PA finalmente apareceu... e ela ficou afim de investir nos tais meses, ela é mulher, e, apaixonou... é... mulher vai ser sempre mulher, não adianta, seja ela de vinte, de trinta, de quarenta ou de cinqüenta, mulher tem útero, mulher é dentro, estamos mais modernas sim, sentimos mais prazer sim, mas somos sentimento, não adianta...
Ao menos uma lição Carolina levou de tudo isso, definitivamente ela aprendeu que deve tomar muito cuidado com o que deseja! Da próxima vez ela especifica bem aos deuses o que realmente quer e não se fixa tanto no elemento pirulito, aprendeu que tem que caracterizá-lo, mas no momento ela não está preocupada com isso, o que ela precisa mesmo é finalmente conquistar o seu OC, vulgo: “o cara”, e ter um PD, vulgo: “pinto definitivo”, só para ela.
  
Depois de tudo isso, um conselho:

Homens não tenham medo de uma mulher pausuda! No fim das contas ela pode querer te conquistar, e, se isso acontecer você terá ao seu lado uma mulher que tem identidade, marca própria, saca? Com ela você vai poder conversar sobre tudo, olha só que legal!! E, além de tudo isso, ela costuma ser boa de cama, não tem muita frescura e é mulher de verdade e não um bibelô que fica do seu lado com um belo sorriso no rosto, fazendo só figuração. ;)

Para consultar:


MP - mulher pauzuda ou peituda
PA - pinto ou pirulito amigo
AC - amigo de conveniência
BA - buceta amiga
OC - o cara
Pd - pinto definitivo




por anaterra viana, encontrou um OC, ta bem feliz, continua MP, mas anda bem mulherzinha.... por incrivel que pareça.. rs

10 comentários:

  1. Tipo bateu na mesa né Aninha? ahahahah
    agora assutou todos os homis do nosso brog! rÁ

    Ponta G.

    ResponderExcluir
  2. Ahhh, mas se assustar é só tomar um copo d'água com bastante açúcar que passa! E aí poderá arrumar uma figurante aspirante a Amélia pra eleger como "SUA" qq coisa e fazer umas cenas pela vida... :p

    AnaT, fechotchtchauuuu!!!

    ResponderExcluir
  3. Aiiii gentemmm, isso tudo é ficçao!! tiraçao de onda mesmo, estamos aqui para isso, chocar, instigar, provocar...

    senao que comprem a Criativa, a Nova...
    tem que ser é bem HOMI para ler até o fim e nao se ofender, oras, por favor, achei que só o Thiago ia ficar brabo e nem ele ficou...

    AnaT. com T maíusculo, estroGenia, com G mAiusculo!!fecho tchtchtchaaauuu!!
    ;)

    ResponderExcluir
  4. Boa Terra!!...mandou muito bem!!! ...só quem PODE nos merece!!!.. adorei as estrogenias!!...Parabéns e sucesso!!
    Mariana Teixeira

    ResponderExcluir
  5. EU SOU MP: Mulher Peituda!!! hahahahhaa

    ResponderExcluir
  6. Assustou nada... curti bastante...
    Ass.: Amigo pra toda hora! ;)

    ResponderExcluir
  7. Brigada Mari, volte sempre!!
    hahahahahaha, boa saída hein Feiges?

    aT

    ResponderExcluir
  8. adoro as bravuras de nenem.
    hahaha.. eita meninas poderosas!

    ResponderExcluir
  9. mto engraçado esse blógue! tipo sex and the city tupiniquim! hhaha! e mto bom o nome; estrogênio é o hormônio da pele bonita, portanto das bem-comidas, não é!? e ainda gênias! uau...

    obs: seria o caso de um glossário pra tantas siglas?

    ResponderExcluir
  10. boa transitivo, glossário no posto, prajá! rs

    ResponderExcluir